Cadillac elétrico ‘LYRIQ’ é lançado com 500 km de autonomia

50

Cadillac elétricoCadillac elétrico

General Motors (GM) revelou, ontem (6), a versão conceitual do Cadillac LYRIQ, primeiro carro elétrico da montadora equipado com as baterias “Ultium”, tecnologia desenvolvida para a futura linha de modelos eletrificados da marca.

O crossover, que servirá de referência para os próximos veículos da linha de luxo da GM, será alimentado por baterias de 100 kWh, que vão garantir uma autonomia de aproximadamente 500 km, de acordo com a fabricante. Os dados de desempenho e potência do motor ainda não foram divulgados.

As novas baterias não são de lítio como as utilizadas atualmente nos carros eletrificados. Elas são de níquel-cobalto-manganês-alumínio, com uma redução de mais de 70% de cobalto em sua produção, além de funcionarem por meio de módulos interconectados, eliminando boa parte da fiação. No Cadillac LYRIQ, elas terão taxa de carregamento nível 2 até 19 kW e carregamento rápido DC acima de 150 kW.

A enorme tela de LED de 33 polegadas, que funciona como painel do LYRIQ, chama a atenção no interior do carro.A enorme tela de LED de 33 polegadas, que funciona como painel do LYRIQ, chama a atenção no interior do carro.Fonte:  Cadillac/Divulgação 

Outras tecnologias também estarão presentes no carro de luxo, como a versão mais moderna do sistema Super Cruise de condução semiautônoma, informações projetadas no para-brisas (head up display de realidade aumentada), sistema de áudio AKG Studio com 19 alto-falantes e uma enorme tela de LED para exibição de conteúdos e informações como nível da bateria, velocidade etc. A estética futurista do modelo também chama a atenção.

Produção somente em 2022

Apesar de revelado agora, o primeiro Cadillac elétrico só entrará em produção no final de 2022 — ainda não se sabe o preço. Como se trata de um produto global, ele deverá ser comercializado em vários países, provavelmente a partir de 2023.

Nos próximos meses, a montadora vai revelar mais detalhes a respeito do motor e outras informações sobre o LYRIQ. Com relação ao design, a marca confirmou que vai aproveitar de “80% a 85%” do que foi mostrado no conceito.