Corsa 2020 estreia 100% elétrico e autonomia de 330 km

Eletrificação é tão importante para Opel que versões a combustão serão reveladas só depois

180
Corsa 2020 estreia 100%
Corsa 2020 estreia 100%

Corsa 2020 estreia 100%

Após meses seguidos de flagras e especulações, a Opel oficializa nesta quinta-feira (23) a apresentação da nova geração do Corsa. Desenvolvido agora com ajuda da PSA, o compacto deriva da plataforma do Peugeot 208 e abraça a eletrificação como nunca antes na história. Não por acaso, está sendo lançado inicialmente apenas na variante elétrica, batizada de Corsa-E, para só depois ser revelado em versões movidas a diesel e gasolina. As vendas nos principais mercados da Europa serão iniciadas até o final do ano e as reservas serão abertas para interessados já nas próximas semanas.

Corsa 2020 não cresceu exageradamente

Conforme explica a Opel, o Corsa 2020 não cresceu exageradamente na comparação com gerações anteriores, medindo no total 4,06 metros de comprimento. O teto foi rebaixado em 48 milímetros e, por consequência, o banco do motorista agora está 28 mm mais próximo do assoalho. O visual segue a tendência dos novos carros da marca, com destaque para a carroceira bem vincada, dianteira agressiva e teto em cor contrastante. No interior, o sistema de entretenimento tem 7 polegadas (ou 10″ como opcional) e agrega funcionalidades como informações de trânsito em tempo real. Há ainda piloto automático adaptativo, monitor de pontos cegos, reconhecimento de sinais de trânsito e assistente de estacionamento.

Motorização

Posteriormente, serão lançadas versões tradicionais com motores a combustão: 1.2 de três cilindros aspirado (76 cv) e turbo (130 cv), e 1.5 turbodiesel de 100 cv.

Fotos: Opel