Honda Elite 125 começa 2020 com recorde

53

Honda Elite 125Honda Elite 125

Com exato um ano de mercado, Honda Elite 125 acumulou quase 2.000 unidades vendidas apenas em janeiro, registrando recorde em emplacamentos.

Com volume 11% maior, ao todo entraram em circulação no país nesse primeiro mês do ano 1.942 unidades da scooter porta de entrada da Honda. Isso mantem a Elite 125 como a líder do segmento na mesma faixa de preço.

Nós andamos nessa pequena scooter durante seu lançamento e ficamos satisfeitos com o “conjunto da obra”. Ela entrega agilidade, conforto e estilo.

 

Honda Elite 125 começa 2020 com tudo

Ao todo, até o momento já foram emplacadas aproximadamente 20 mil unidades da Elite 125 desde quando chegou nas lojas, em janeiro de 2019. Só no mês de janeiro desse ano foram praticamente 10% desse volume total, com quase duas mil unidades.

Sua principal concorrente, a Yamaha Neo 125, emplacou pouco mais da metade desse volume para o mesmo mês, com suas 1.094 unidades vendidas em janeiro de 2020.

Os modelos, Elite 125 e Neo 125, são o primeiro degrau para muitas pessoas que começam a tomar gosto pelo mundo de duas rodas, mas também acabam se tornando opção para aqueles que buscam um segundo veículo mais prático e barato para o dia a dia, como os proprietários de motos maiores ou carros.

Honda-Elite-125-Avaliacao-02

Avaliação Elite 125

Fomos convidados pela Honda para o evento de lançamento e test-ride da Elite 125 para a imprensa especializada no final de 2018, onde rodamos pelas ruas de Santos.

Durante a avaliação da Elite 125 pudemos colocar a scooter de entrada em diversas condições de uso urbano, rodando no asfalto, pavimento esburacado e de calçamento (lajotas) e até subimos e descemos algumas ladeiras.

O desempenho da motinho de proporções pequenas chegou a surpreender, tanto em força, quanto em agilidade e conforto. Veja abaixo o vídeo de primeiras impressões:

Durante os testes algo que chamou nossa atenção foi o “triângulo” formado pela suspensão dianteira que absorveu bem os impactos e imperfeições da pista, o assento e sua posição/camada de espuma e a suspensão traseira que trabalhou bem por todo percurso.

Honda-Elite-125-Avaliacao-04

O motor tem 124,9 cilindradas e é capaz de gerar pouco mais de 9 cavalos de potência máxima, mas o que é interessante nela é o seu torque de 1,05 kgf.m que ajuda a empurrar rapidamente a Elite nas saídas de semáforos e em subidas de ladeiras, como fizemos.

A Elite é um modelo comercializado a quase 40 anos no mercado internacional. Entre seus atributos está o design arrojado, freios CBS, painel digital com velocímetro em barras, farol em LED e quatro opções de cores (vermelho perolizado, azul claro perolizado, branco e preto).

Honda-Elite-125-Avaliacao-05

Honda Elite 125 Preço

Outro ponto a ser destacado, já fazendo uma comparação com sua principal concorrente, é a ergonomia da Elite 125.

Com assoalho plano, a pequena scooter oferece bom espaço para as pernas. Medindo 1,80 m de altura, minhas pernas não chegaram a encostar na parte dianteira interna como acontece na Neo 125. Isso agradou bastante durante a pilotagem e manobra.

Quando chegou ao mercado ano passado a Elite 125 tinha preço sugerido de R$ 8.250,00. Hoje ela é oferecida pela Honda por R$ 8.585,00 sem frete.

Honda-Elite-125-Avaliacao-03

Alexandre Curry, Diretor Comercial da Honda Motocicletas, diz que “o crescimento do segmento de scooters é um fator que temos observado nos últimos anos e demonstra o quanto esses modelos assumem a dianteira entre as soluções de mobilidade nos centros urbanos”.

“Os modelos conquistam, principalmente, os motociclistas que estão entrando no universo das duas rodas, devido à facilidade de pilotagem, além de atraírem também os usuários de automóveis, que buscam um meio de transporte conveniente e econômico para as grandes cidades, dentre outros perfis de clientes ”, conclui Curry.

Honda-Elite-125-Avaliacao-06