Vendas de lubrificantes batem recorde no mês de julho confirmando o “V”

544

Vendas de lubrificantes batem recorde

Com o melhor número mensal dos últimos 5 anos, as vendas de lubrificantes no mercado brasileiro apresentaram um desempenho impressionante no último mês de julho, chegando a um volume de 134.574 m3, já com as devidas correções, considerando-se os números publicados. A recuperação em “V” se consolida, como prevista pela análise da revista Lubes em Foco.

vendas de lubrificantesEnquanto as notícias atuais dão conta de uma queda de 9,7% no PIB brasileiro, no segundo trimestre de 2020, O mercado de lubrificantes manteve o ritmo de alta iniciado em maio, subindo 17,7% no mês de julho, em comparação a junho.

O mercado total apresentou uma recuperação que melhorou as perspectivas do ano, com uma queda de janeiro a julho de apenas 8,6% se comparado ao mesmo período de 2019.

A análise atual também levou em conta as revisões realizadas pela ANP na publicação dos números do mercado relativos aos meses anteriores.

Computados 7 meses, BR Distribuidora e ICONIC seguem na disputa pela liderança, com ligeira vantagem para a BR que tem, até agora, uma participação de mercado de 19,6%, contra 19,1% da ICONIC.

Os óleos básicos

Mesmo com uma queda na importação de óleos básicos no mês de julho, o Brasil já importa este ano cerca de 44% de suas necessidades, mais do que os 36% que produziu em suas refinarias. O rerrefino contribui com 20% da produção nacional.

Um estudo mais detalhado sobre o mercado brasileiro de lubrificantes será apresentado no 10º Encontro com o Mercado – América do Sul, que será realizado este ano virtualmente, com transmissão pelo Youtube, entre os dias 14 e 18 de setembro. Mais informações na página do evento em https://portallubes.com.br/2020-encontro-home-pt/