Governo central tem superávit primário de R$8,673 bi em outubro

27

Superávit primárioSuperávit primário

BRASÍLIA (Reuters) – O governo central, formado por Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social, registrou um superávit primário de 8,673 bilhões de reais em outubro, mais baixo que o registrado em igual mês do ano passado (+9,509 bilhões de reais), divulgou o Tesouro nesta quinta-feira.

O dado também veio pior que a projeção de um saldo positivo de 10,7 bilhões de reais feita por economistas, segundo pesquisa Reuters.

Sazonalmente, outubro costuma ter um resultado fiscal positivo, marcado pelo ingresso de recursos com participações especiais de petróleo e arrecadação com Imposto de Renda Pessoa Jurídica e Contribuição Social sobre Lucro Líquido.

Entre janeiro e outubro, o déficit chegou a 63,848 bilhões de reais e, em 12 meses, a 113,1 bilhões de reais, sendo que para 2019 a meta é de um rombo de 139 bilhões de reais.