Brasil-Espanha: CNI mobiliza mais de 100 empresários para rodadas de negócios

Executivos se reúnem no Encontro Empresarial Brasil-Espanha, de 29 a 31 de março, para discutir oportunidades de investimentos e cooperação. A Espanha é o 3º país que mais investe no território brasileiro

175

Encontro Empresarial Brasil-Espanha

Encontro Empresarial Brasil-Espanha

Encontro Empresarial Brasil-EspanhaO setor industrial brasileiro está cada vez mais interessado em fazer negócios fora do país. Nesta semana, mais de 100 empresários do Brasil, mobilizados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), se reúnem com cerca de 40 executivos espanhóis para conversar sobre oportunidades de investimentos e cooperação empresarial. A reunião de negócios faz parte do Encontro Empresarial Brasil-Espanha, evento que acontece de 29 a 31 de março, em São Paulo, e é organizado pela agência governamental Espanha Exportação e Investimentos (ICEX), do Ministério da Indústria, Comércio e Turismo espanhol, e pela embaixada do país no Brasil. A CNI é uma das parceiras institucionais do encontro.

A mobilização das empresas brasileiras de diversos setores foi realizada por meio da Rede Brasileira de Centros Internacionais de Negócios (Rede CIN), que além de promover missões empresariais com parceiros estratégicos em todo o mundo, estimula a participação de empresários em encontros de negócios para apoiar a internacionalização brasileira. O objetivo é possibilitar que os executivos identifiquem informações estratégicas do mercado e do setor, além de encontrar potenciais parceiros, importadores ou fornecedores locais para concretizar as operações. 

“Os encontros de negócios são efetivos porque possibilitam o contato direto entre empresários estrangeiros e locais de diversos setores em um só lugar. É importante aproveitar as oportunidades com o mercado espanhol, uma vez que a Espanha já é o terceiro maior país investidor no Brasil e o país europeu é um importante destino dos investimentos brasileiros no exterior”Sarah Saldanha., gerente de Serviços de Internacionalização da CNI

Além da participação nas rodadas de negócios, a CNI será representada no evento durante painéis de discussões de tópicos relevantes para a relação bilateral. O gerente-executivo de Economia, Mário Sérgio Telles, integra o painel com o tema “O Brasil hoje: desafios e oportunidades – Investimento estrangeiro, reindustrialização e reforma tributária”, e a gerente de Política Industrial, Samantha Cunha, é convidada para uma mesa redonda com o tema “Digitalização de serviços, indústria e turismo no Brasil”.

Exportações do Brasil para a Espanha aumentaram em 2022

A relação entre o Brasil e a Espanha é de parceria estratégica e sugere um cenário atraente para o empresariado de ambos os países. Além de apresentar superávit na balança comercial brasileira ao longo dos últimos anos, as exportações do território brasileiro para o país europeu contabilizaram US$ 9,7 bilhões em 2022, enquanto a soma das operações em 2021 foi de US$ 5,4 bilhões. Em relação aos investimentos no Brasil, a Espanha é o terceiro país que mais investe no país sul-americano.

Os principais produtos brasileiros exportados no ano de 2022, segundo estatísticas do Comex Stat do Ministério da Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), foram combustíveis minerais, lubrificantes e materiais relacionados; materiais em bruto, não comestíveis (exceto combustíveis); produtos alimentícios e animais vivos; artigos manufaturados, classificados principalmente pelo material; e produtos químicos e relacionados. 

De acordo com análise da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), as principais oportunidades para as exportações brasileiras na Espanha estão nos setores de produtos químicos, incluindo polietileno, polipropileno, fungicidas, medicamentos e outros óleos essenciais;  produtos alimentícios, como milho, café, açúcar, carnes e frutas; e materiais em bruto, incluindo minérios de cobre, de ferro e de alumínio.