Mercedes-Benz se renova com Actros e Sprinter na Fenatran

Linha de pesados passa a oferecer retrovisores por câmeras e motor de 530 cv

84
Actros e Sprinter na Fenatran
Philipp Schimer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil, e Stefan Buchner, CEO global da marca de caminhões, apresentam o novo Actros na Fenatran

Actros e Sprinter na Fenatran

A principal atração da Mercedes-Benz naFenatran 2019 (14 a 18 no São Paulo Expo) é a nova geração da linha de pesados Actros, lançada recentemente na Europa, com desenvolvimento próprio para o Brasil e que começa a ser entregue aos primeiros clientes brasileiros no início de 2020, por preços cerca de 10% acima da família atual. Foi apresentada uma nova opção topo de linha, a mais potente da marca no País, com motor de 13 litros e 530 cavalos, que custa 20% acima da versão mais cara do Actros anterior – que vai continuar a ser produzido e vendido junto com o novo pelo menos até o fim de 2020.

Anunciado por Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz no Brasil, com o “primeiro caminhão digital do País”, o modelo traz recursos inéditos em termos de sistemas de segurança ativa, conectividade e serviços.

Responsável por consumir a maior parte do investimento de R$ 2,4 bilhões anunciado pela montadora para o período 2018-2022 para a modernização de sua produção (com a introdução do conceito Indústria 4.0) assim como de seu portfólio, a linha Actros, agora, passa a estar atualizada com os modelos oferecidos pela Mercedes-Benz no mercado europeu, embora a versão atual siga em oferta como opção mais em conta da gama.

“A partir de 2020, todos os caminhões da linha Actros terão o assistente ativo de frenagem ABA 5”, disse Roberto Leoncini, vice-presidente de vendas e marketing da Mercedes-Benz do Brasil.

 

 

O novo Actros tem como destaques o painel com dois monitores digitais. O principal, que exibe as principais informações do veículo e o multimídia, com tela sensível ao toque que permite espelhar celulares, permitindo ao motorista ter acesso aos seus principais aplicativos. Além disso, na parte superior do painel o novo Actros pode ter carregador de celular por indução. A nova cabine, com 1,84 m de altura, ainda oferece bancos e cama remodelados para oferecer ainda mais conforto e funcionalidade.

O novo Actros introduz no Brasil o inédito sistema de câmeras MirrorCam, que substitui os espelhos retrovisores externos e amplia o campo de visão, principalmente em operações de mudança de faixa, curvas e manobras. Também garante economia de combustível ao reduzir o arrasto aerodinâmico. Item opcional, o MirrorCam vai custar aproximadamente 2% do valor do cavalo mecânico.

Já o pacote de segurança ativa ABA 5, com frenagem automática de emergência (capaz de identificar pedestres), controle eletrônico de estabilidade (ESP) e sensor de fadiga são equipamentos de série em toda a linha do novo Actros.


Nova Sprinter já nas lojas

Outra novidade no estande da Mercedes-Benz é a renovada linha Sprinter, que passa a exibir o mesmo design da gama vendida na Europa desde o ano passado, além de incorporar recursos de conectividade com a central multimídia MBUX, capaz de espelhar celulares Android e iOS (Apple) em sua tela tátil de sete polegadas, ou por meio dos comandos no volante.

A nova linha já está disponível nas concessionárias da marca a partir desta segunda-feira, 14, com preços que partem de R$ 130.700 para o chassi-cabine, R$ 142.200 para o furgão e R$ 178.900 a van de passageiros – algo em torno de 6,5% a 7% acima da linha anterior, o que segundo a Mercedes é compensado pelos equipamentos que foram agregados ao modelo. Assistente ativo de frenagem (ABA), sensor de fadiga e assistente de partida em rampa são equipamentos de série nas novas Sprinter.

A fábrica da Mercedes-Benz na Argentina recebeu investimento de US$ 100 milhões nos últimos dois anos para produzir a nova linha de vans, furgões e caminhões semileves.

Os motores das novas Sprinter ganham mais potência: 143 cv para o 314 CDI (que antes possuía 129 cv) e 163 cv para o 416 CDI e o 516 CDI (contra 150 de antes).

O presidente da Mercedes-Benz do Brasil, Philipp Schiemer, aproveitou o evento para lembrar que a empresa segue investindo no País e que, apesar de o mercado de caminhões estar em alta – as novas projeções da Anfavea indicam a venda 103 mil unidades até o fim deste ano –, as reformas (da Previdência e tributária) precisam seguir avançando para permitir mais investimentos. “Os dirigentes deste País precisam fazer a sua parte”, afirmou Schiemer.