Multas de trânsito ficam mais caras a partir de novembro

244

Mais de 300% de aumento para “Falar ao celular enquanto está dirigindo”

A partir de novembro de 2016 as infrações ficarão pelo menos 53% mais caras, segundo fora aprovado pelo Senado Federal.

Os aumentos variam de 53% a mais de 300% segundo o tipo de infração cometida e a avaliação, por parte dos legisladores, da necessidade de punir, de forma mais severa, algumas infrações cometidas pelos motoristas.

Vejamos alguns dos aumentos:

Utilizar o celular enquanto estiver dirigindo: aumento de 345%, passando de R$ 85,13 e quatro pontos na CNH, a R$ 293,47.

Andar em velocidade até 20% acima do permitido: aumento de 153% e sairá de R$ 85,13 para R$ 130,16.

Para excesso de velocidade entre 20% e 50% acima da velocidade permitida: aumento também de 153% saindo dos atuais R$ 127,69 para R$ 195,23.

Para velocidades acima de 50% do permitido (infração gravíssima x 3): também com aumento de 153% e levando 7 pontos na carteira a multa subirá de R$ 574,62 para R$ 880,41.

Veja, na tabela abaixo, os valores e pontuação de cada infração de trânsito:

 

Tipo de infração Valor da multa Pontos na CNH
Leve R$ 88,38 3
Média R$ 130,16 4
Grave R$ 195,23 5
Gravíssima R$ 293,47 7
Gravíssima x 3 R$ 880,41 7
Gravíssima x 5 R$ 1.467,35 7
Gravíssima x 10 R$ 2.934,70 7