Cummins lança novos padrões para óleos lubrificantes

1583

Em linha com a próxima categoria de óleo para motor diesel API CK-4, a Cummins estabeleceu seus padrões CES 20086, recomendado para todos os motores que usam diesel com ultra baixos teores de enxofre (ULSD), e CES 20087, relacionado a API FA-4, de baixa viscosidade e com o potencial para economia de combustível.

CES 20086, que é uma versão atualizada do CJ-4 (CES20021), vai estar disponível nas viscosidades 10W-30 e 15W-40, bem como outros graus de viscosidade tradicionais. Ele pode ser utilizado como enchimento normal ou complementação em motores mais antigos, e terá uma capacidade de resistência à oxidação superior, para suportar o aumento da carga térmica nos motores atuais, que trabalham mais aquecidos. Será o óleo de escolha para a maioria dos motores Cummins.

CES 20087 é um novo óleo de baixa viscosidade, que tem benefícios potenciais de economia de combustível, dependendo do ciclo de trabalho, mas pode não ser compatível com todos os motores. Está relacionado à categoria API FA-4 e vai ser oferecido principalmente no grau de viscosidade 10 W-30, com algumas formulações 5W-30 disponíveis em futuro próximo. A menor viscosidade dinâmica do FA-4 (trabalho com alta temperatura e alto cisalhamento) proporciona uma espessura da película de óleo mais fina, e reduz a fricção no interior do motor (o que pode ser significativo em certos ciclos de funcionamento), melhorando de certa forma a economia de combustível.

Para cada motor de 2017, a Cummins vai fazer uma decisão individual sobre a categoria de óleo recomendada, e atualizar o manual do proprietário de cada um, de acordo com a escolha. O motor X15 modelo 2017 será compatível com o óleo CES 20087 10W-30, mas virá com a recomendação de  óleo CES 20086 10W-30.

O especialista técnico em lubrificantes da Cummins, Sr. Ryan Denton, disse: “Pretendemos publicar nossos padrões CES 20086 e 20087 CES no próximo mês e começar o processo de registo logo após a publicação”.

Fonte:  OEM Lubenews