Hyundai planeja supercarro elétrico com mais de 550 cavalos

41

Hyundai planeja supercarro elétrico

Durante a apresentação N Day nesta terça-feira (27), a Hyundai deu indícios de que pretende lançar um supercarro elétrico em um futuro próximo. Sem grandes detalhes, o modelo com zero emissões fará parte da linha N – divisão de alto desempenho.

Aparentemente, o veículo seria uma versão modificada do Ioniq 5 com o trem de força do Kia EV6 GT. Esse último modelo se destaca por ter 577 cavalos, potência suficiente para ir de 0-100 km/h em apenas 3,5 segundos.

Render do possível Hyundai Ioniq 5 N.Render do possível Hyundai Ioniq 5 N.Fonte:  Piston Leaks/Reprodução 

Especialistas acreditam que a Hyundai estuda lançar mais carros elétricos sob o selo da divisão de alto desempenho. Dessa forma, o Ioniq 5 N seria o primeiro passo lógico da montadora sul-coreana nesse caminho.

Atualmente, a versão mais poderosa do modelo elétrico traz 301 cavalos de potência e capacidade de acelerar de 0-100 km/h em 5,2 segundos. Para mais, o veículo atinge a velocidade máxima de 185 km/h.

Durante a apresentação, a Hyundai também afirmou que está explorando a possibilidade de criar um veículo de alta performance movido a células de combustível. Embora não tenha nada definido, ela estaria testando a fórmula em alguns protótipos.

Em uma previsão realista, a tecnologia só deve aparecer nos carros da linha N em um futuro ainda bem distante. Porém, vale ressaltar que a montadora tem uma tradição em construir veículos com essa característica.

Hyundai Nexo é um dos modelos de sucesso movido a células de combustível.Hyundai Nexo é um dos modelos de sucesso movido a células de combustível.Fonte:  Inside EVs/Reprodução 

Exemplo do Nexo

O Hyundai Nexo é a referência da marca em relação a veículos movidos a células de combustível. Simples, ele oferece 161 cavalos ao trazer um único motor elétrico frontal capaz de atingir a velocidade máxima de cerca de 180 km/h.

Apesar de não parecer um exemplo de alta performance como os da linha N, o modelo poderia ganhar mais poder com um segundo motor elétrico e aplicações de tecnologias que ajudariam a ampliar seu desempenho.