General Motors abre PDV em São Caetano

De acordo com sindicato, intenção seria atingir cerca de 100 adesões na área de engenharia de produto

55
Plano de Demissão Voluntária
Além da minivan Spin (foto), fábrica do ABC produz hatch Onix Joy, sedã Cobalt e picape Montana

Plano de Demissão Voluntária

General Motors abriu um Plano de Demissão Voluntária em sua fábrica de São Caetano do Sul (SP). O PDV teve início na quarta-feira, 28, e vai somente até a sexta, 30. De acordo com informações obtidas no sindicato dos metalúrgicos da cidade, o PDV pretende atingir a área de engenharia de produto. A intenção seria obter a adesão de cerca de 100 pessoas.

Questionada a respeito, a General Motors informa apenas que o PDV seria voltado “para algumas áreas funcionais alocadas em São Caetano do Sul com o objetivo de ajustar a estrutura às necessidades do negócio”.

A GM produz atualmente em São Caetano o Onix Joy (versão mais acessível), a minivan Spin, o sedã Cobalt e a picape Montada. Estes dois últimos têm vendas médias mensais pouco acima de mil unidades.

No entanto, a direção do Sindicado dos Metalúrgicos afirma que não há plano de abertura de PDV na área de produção de automóveis.

Termina o estado de greve em São José dos Campos

Depois de os metalúrgicos da General Motors de São José dos Campos (SP) entrarem em estado de greve na manhã de quinta-feira, 29, a direção da montadora reviu a sua posição e decidiu cumprir o acordo negociado com o sindicato local dos metalúrgicos em fevereiro deste ano.

Segundo a entidade, os trabalhadores entraram em estado de greve porque a empresa pretendia descontar os impostos sobre um abono de R$ 2,5 mil a ser pago na sexta-feira, 30. Durante a negociação no início do ano, a GM havia se comprometido a pagar o abono sem deduções, mas pretendia descumprir o acordo e já havia programado os descontos referentes ao INSS e ao Imposto de Renda.