Toyota Prius 2019 chega atrasado ao Brasil

Modelo entra só agora nas revendas, pouco antes do aguardado Corolla híbrido flex

59
Toyota Prius 2019
Prius 2019 recebeu mudanças no desenho e melhorias no conforto.

Toyota Prius 2019

Semanas antes de apresentar a nova geração do Corolla e sua versão híbrida flex, a Toyota deu início às vendas do híbrido Prius modelo 2019, em um momento em que os lançamentos estão todos focados na linha 2020. Seja como for, o carro tem preço sugerido de R$ 128.530 e recebeu atualizações de estilo e melhorias no conforto.

O Prius 2019 traz novos faróis e lanternas traseiras. Estas não se prolongam mais para baixo como na versão anterior. As rodas foram escurecidas e a Toyota adotou acabamento interno preto para todo o painel.

O novo estepe de uso temporário (mais fino) ampliou em 30 litros o espaço do porta-malas, agora com 442 l. O ajuste elétrico do banco do motorista passou de quatro para oito posições e o painel de instrumentos informa agora a pressão dos pneus.

A nova central multimídia traz tela de sete polegadas sensível ao toque e que fornece um zoom quando reconhece dois toques simultâneos, como nos smartphones. Também permite manusear barras de rolagem em listas de músicas e arquivos.

A conectividade do Prius inclui possibilidade de espelhamento de conteúdo exibido pelo celular em aplicativos como Waze, Google Maps, YouTube e outros. Também conta com o MirrorLink, espelhamento com conexão por cabo para alguns aplicativos. Por motivo de segurança, no entanto, as imagens dos aplicativos de navegação não são exibidas com o veículo em movimento.


Antes e depois: à esquerda as lanternas traseiras polêmicas; à direita, a versão 2019, com desenho mais convencional

A central multimídia também tem sistema de entretenimento de vídeo integrado ao painel com TV digital, rádio, MP3 player, câmera de ré com visualização na tela, conexão bluetooth, entradas USB e AUX compatíveis com os sistemas Android e IOS de smartphones e sistema de GPS integrado.

O Prius utiliza um motor 1.8 a gasolina e outro elétrico. Combinados eles fornecem 122 cavalos. Desde sua chegada ao Brasil, em 2013, o Toyota híbrido teve mais de 6 mil unidades vendidas. Segundo o Inmetro, ele percorre 18,9 km/l na cidade. Na estrada o consumo é um pouco mais alto, 17 km/l.

Por se tratar de um carro híbrido o Prius é isento do rodízio na cidade de São Paulo. Também no município ele tem isenção de 50% do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). A cidade de São Bernardo do Campo oferece desconto de 25% no IPVA (para modelos que custem até R$ 170 mil). No Rio de Janeiro (RJ), o IPVA dos híbridos teve redução de alíquota de 4% para 1,5%.