Nissan Frontier 2020 ganha novo visual e melhorias técnicas na Europa

Picape estreia novo câmbio manual de 6 marchas e ajustes na suspensão

107

Nissan Frontier 2020Nissan Frontier 2020

A Nissan acaba de anunciar na Europa a chegada a linha 2019 da picape Frontier com uma série de novidades. Chamada localmente de Navara, a camionete incorpora retoques leves no visual (a exemplo da irmã Renault Alaskan) e aprimoramentos interessantes na cabine, além de uma série de melhorias técnicas que prometem reforçar atributos como robustez, dirigibilidade e capacidade de carga. A marca aproveita a oportunidade para enquadrar os motores nos novos níveis anti-poluição das normas Euro 6D-Temp e ampliar a garantir de fábrica para 5 anos ou 160 mil quilômetros. As mudanças já estão disponíveis no mercado europeu, mas não têm data para estrear no Brasil, onde a Frontier chega através da Argentina.

Por fora, a lista de novidades inclui rodas de liga-leve de 16 ou 17 polegadas com novos desenhos, paleta de cores atualizada e, nas versões mais caras, faróis com máscara negra. Na cabine, a Nissan adicionou o sistema de entretenimento NissanConnect com hotspot 4G WiFi integrado, mapas TomTom, Google Satellite, Street View, Apple CarPlay e Android Auto. A tela agora mede 8 polegadas (contra 7 polegadas da anterior) e o sistema como um todo passou por uma profunda revisão de hardware e software, permitindo integração total com smartphone e oferecendo cores mais claras e maior resolução, além de controles multi-touch e tempos de resposta mais rápidos.

Nissan Frontier 2020Outra novidade é representada pelo Intelligent Trailer Sway Assist, sistema que antecipa a oscilação do trailer e aciona freios e torque para evitar perda de controle. Ainda no quesito segurança, seguem presentes tecnologias como frenagem inteligente de emergência, assistente de arranque em subidas, controle de descida em colina e monitoramento inteligente de distância. A partir de agora, todas as versões ganham freios a disco nas quatro rodas e consideravelmente mais eficientes (discos dianteiros com 320 mm e traseiros com 308 mm). Além disso, o modelo incorpora a segunda geração da suspensão traseira de 5 braços (que substitui o tradicional feixe de molas), com ganhos consideráveis na capacidade de carga (agora 1.165 kg nas versões cabine estendida e 1.180 kg nas cabine dupla).

Nissan Frontier 2020 (Europa)

A adoção de molas helicoidais mais rígidas também elevaram a suspensão traseira em 25 mm e, na dianteira, aperfeiçoamentos otimizaram o conforto e a dirigibilidade. Por fim, a adoção de uma nova transmissão manual de 6 marchas promete trocas mais rápidas e precisas, além de redução dos níveis de vibração. A caixa automática de 7 velocidades não sofreu alterações. Sob o capô, o motor 2.3 turbodiesel entrega 163 cv ou 190 cv e alcança até 14,5 km/l de média.

Fonte: Nissan