Volkswagen cresce 21% no Brasil e cai 50% na Argentina no 1º semestre

41

Mercado da VolkswagenMercado da Volkswagen

O Brasil foi o mercado da Volkswagen que mais cresceu no primeiro semestre de 2019. De acordo com balanço global de vendas divulgado pela montadora alemã, o país registrou alta de 20,9% de janeiro a junho, acumulando 176,4 mil veículos comercializados.

Para se ter uma ideia, esse volume corresponde a 77,84% dos 226,6 mil carros e veículos comerciais da VW vendidos em toda a América do Sul no período – a região acumulou alta de 1,2% na comparação com o primeiro semestre do ano passado.

Depois do Brasil, o país onde a marca mais cresceu foram os Estados Unidos, com 6,8% e 184,6 mil automóveis vendidos nos primeiros seis meses deste ano.

Marca cai na Europa e despenca na Argentina

Mundialmente, porém, a Volkswagen apresentou queda de 3,9%, com 2,99 milhões de unidades. A região mais impactada pela baixa nas vendas foi justamente a Europa, onde fica a sede da montadora: – 4,7%, somando 922 mil veículos.

Considerando apenas o mês de junho, a Volks vendeu mais de 31 mil unidades no Brasil, alta de 13% ante junho de 2018. Por outro lado, a Argentina, que vive grave crise econômica, comercializou apenas 4.000 exemplares, queda de 50% na comparação com junho do ano passado.