Yamaha NMAX 160 reestilizada aparece em registro

Scooter terá mudanças no painel, dianteira e traseira; lançamento pode ser no Salão Duas Rodas

47
Yamaha NMAX 160
Yamaha NMAX 160

Yamaha NMAX 160

Lançada em março de 2016 no Brasil, a Yamaha NMAX 160 está prestes a passar por sua primeira reestilização. Prova disso é que imagens de patente que já apareceram na Ásia agora pintam também no Brasil. E tudo indica que a renovação deverá ser mostrada no Salão Duas Rodas, de 19 a 24 de novembro no São Paulo Expo, como linha 2020.

Yamaha NMAX reestilizada

 

Yamaha NMAX 160 ABS 2018

Mudanças na dianteira

Pelo que podemos observar nas imagens de registro, as mudanças na dianteira serão leves. Muda a bolha frontal, que aparenta ter um encaixe para uma bolha maior, e o desenho interno dos faróis. Eles mantêm as luzes de LED, mas agora também haverá LEDs nos DRL, para uso diurno, enquanto as luzes de seta ficaram menores e posicionadas mais abaixo (veja a comparação nas imagens acima). Já a traseira ficará bem mais moderna, com uma lanterna que avança mais para as laterais, que foi claramente inspirada na irmã maior X-Max 300 (muito esperada no Brasil, por sinal).

Yamaha NMAX reestilizada

Acabamento do guidão

Também é possível observar mudanças no acabamento do guidão e na carenagem interna, que agora ganha dois porta-objetos maiores, sendo um deles com tampa. O painel digital também será modificado, aparentemente trocando a telinha redonda por um visor maior e retangular.

Não são esperadas mudanças na mecânica, além de uma possível recalibração da suspensão para melhorar o conforto em buracos. A NMAX 160 vem equipada com motor de 155 cc injetado, que rende 15,1 cv e 1,47 kgfm e vem ligado ao câmbio automático do tipo CVT.

Fotos: reprodução e divulgação