Evolução da Renault tira quarto lugar da Ford

53

Evolução da RenaultEvolução da Renault

A principal mudança no ranking de montadoras no primeiro trimestre é a evolução da Renault. A marca francesa conseguiu tirar a Ford do quarto lugar do ranking de vendas por montadoras.

Com isso, a montadora confirma a posição que já havia conquistado nos dois primeiros meses de 2019. Em março, no entanto, o resultado da Renault foi ainda melhor.

De janeiro a março

No acumulado de janeiro a março, a Renault somou 51.283 unidades vendidas. Com isso, ficou atrás apenas da líder GM (106.409), da vice Volkswagen (82.981) e da terceira colocada, Fiat (78.821).

Com isso, a Renault “jogou” a Ford para o quinto lugar, com 48.041 unidades vendidas. A norte-americana não está muito à frente da sexta, Toyota, que soma 47.298 emplacamentos.

O sétimo lugar é da Hyundai, também não muito distante de Ford e Toyota. A sul-coreana tem 44.651 unidades vendidas até agora.

Honda (31.598), Jeep (28.680) e Nissan (22.294) fecham o grupo das dez montadoras que mais venderam carro no Brasil no primeiro trimestre.

Carros de passeio em março

Considerando apenas o mês de março, chamou a atenção o resultado da Renault na venda de automóveis (descontando-se modelos comerciais leves, como picapes e vans). Nesse caso, a marca foi terceira colocada em emplacamentos, superando a Fiat.

Além de Kwid, o oitavo carro mais vendido em março, e do Sandero, o 14º, a marca francesa conseguiu colocar um terceiro modelo na lista dos mais emplacados. Trata-se do Logan, que foi 18º mais comercializado no mês passado.

Há muitos anos o Logan não aparecia na lista dos 20 mais vendidos do País.

Considerando a soma de emplacamentos de automóveis e comerciais leves, a Renault ficou com o quarto lugar em março (também atrás de GM, VW e Fiat, respectivamente). Porém, no mês passado, o quinto lugar não ficou com a Ford, e sim com a Toyota.

A Ford obteve a sexta colocação. Hyundai, Honda, Jeep e Nissan ocuparam em março as mesmas posições que conquistaram no primeiro trimestre.