A escolha correta do Fluido Hidráulico

Cuidados básicos na seleção

11
Figuras 1/2 – Fluidos hidráulicos são utilizados em transmissão de potência

Resolvendo a pré-ignição a frio nas formulações API SN Plus

Fluidos hidráulicos podem ser definidos como fluidos aplicáveis na transmissão de potência de baixa, média e elevada intensidade gerada em sistemas hidráulicos de equipamentos móveis ou industriais. Os fluidos hidráulicos mais comumente utilizados são compostos por óleos de base mineral, lubrificantes sintéticos, emulsões formadas por óleo e água e misturas semissintéticas resistentes ao fogo à base de água e glicol.

Algumas características a serem consideradas quando da escolha de fluido hidráulico para bom desempenho no sistema hidráulico são:
– grau de viscosidade apropriado;
– elevado Índice de Viscosidade (IV);
– proteção antidesgaste (AW), se necessário;
– boa estabilidade quanto à oxidação;
– adequado ponto de fluidez;
– boas características de demulsibilidade;
– boa propriedade de proteção antiferrugem;
– adequada resistência à formação de espuma;
– compatibilidade com os materiais dos retentores.

Fluidos hidráulicos com propriedades antidesgaste (AW) são, frequentemente, utilizados em sistemas hidráulicos que operam a elevadas pressões de trabalho e nos quais as bombas hidráulicas necessitam proteção adicional em sua lubrificação. Com toda convicção, pode-se afirmar que o fluido hidráulico é o componente mais crítico e a que se deve dar maior atenção em qualquer sistema hidráulico.

Leia o restante do artigo na revista LUBES EM FOCO – edição 70, apresentada abaixo: