Vendas de caminhões avançam 57% em outubro

52

Vendas de caminhõesVendas de caminhões

Vendas de caminhões mantêm a trajetória de recuperação apresentada nos últimos meses. Balanço divulgado pela Fenabrave, na quinta-feira, 1º de novembro, os emplacamentos no segmento em outubro somaram 7.920 unidades, altas de 18,14% em relação a setembro, com 6.704 emplacamentos, e de 56,68% no confronto com o mesmo mês do ano passado, quando foram apurados 5.055 licenciamentos.

“O mercado em geral manteve sua tendência positiva de crescimento mesmo diante do cenário conturbado do período”, diz em nota o presidente da Fenabrave, federação que representa do setor de distribuição de veículos, Alarico Assumpção Júnior, referindo-se à reação do comprador apesar do clima de expectativa gerado pelas eleições.

De janeiro a outubro

De janeiro a outubro, as vendas somaram 61.066 unidades, evolução de 51,16% sobre os 40.399 caminhões emplacados no mesmo acumulado de 2017. O volume contabilizado até o décimo mês, já representa alta de 17% no resultado de todo o ano passado, com 52.069 unidades licenciadas.

No mês passado, a Mercedes-Benz foi quem mais vendeu caminhão ao negociar 2.564 unidades, o que representou 32,37% das vendas totais de outubro. A Volkswagen Caminhões e Ônibus ficou com segundo lugar no ranking de vendas com 1.847 unidades licenciadas, ou 23,23% do mercado. A lista segue com a Volvo, com 1.159 emplacamentos (14,63%), Ford, que registrou vendas de 898 caminhões (11,34%) e Scania, no quinto lugar, com 653 unidades emplacadas (8,24%).