ANP busca avaliar mercados de campos maduros e de gás natural

29

ANP irá criar dois grupos de trabalho para avaliar mercados de campos maduros e de gás natural. A ANP irá criar dois grupos de trabalho para avaliar a concentração dos mercados de campos maduros e de gás natural no Brasil e tentar destravar estes dois segmentos. A constituição dos GTs vinha sendo discutida internamente há alguns meses e foi aprovada pela diretoria da agência nesta terça-feira (7/8).

ANP irá criar dois grupos de trabalho para avaliar mercados de campos maduros e de gás natural
ANP irá criar dois grupos de trabalho para avaliar mercados de campos maduros e de gás natural

Cada grupo será formado por quatro a cinco participantes e terá prazo até 13 de setembro para conclusão dos trabalhos. A iniciativa prevê possibilidade de prorrogação do prazo, mas como os dois temas são considerados emergenciais na ANP, a meta é tentar concluir tudo o mais rápido possível. A criação dos GTs deverá ser formalizada até o fim desta semana, por meio de uma Portaria da ANP.

mercados de campos maduros e de gás natural – GT

O GT de campos maduros será coordenado por José Fernando de Freitas, que comanda a Coordenadoria de Áreas Terrestres da ANP. O grupo de gás natural ficará ligado à diretoria de José Cesário Cecchi Neto e deve ser coordenado possivelmente por Hélio Bisaggio, superintendente de Infraestrutura e Movimentação da agência.

A proposta é que os dois GTs sigam a mesma estratégia adotada anteriormente pela ANP no segmento do Refino. Tanto na iniciativa dos campos maduros quanto na do gás natural, a agência irá apurar sua posição sobre os dois temas com o objetivo de elaborar uma nota técnica. Entre os possíveis desdobramentos do trabalho está o acionamento de órgãos externos, como o Cade e o CNPE.

No caso do segmento de Gás, a proposta é de que o GT avalie toda a parte infralegal e de diversificação de fontes de oferta.