Ducati testa moto que “conversa” com carro

0
31

Ducati testa moto que “conversa” com carro: será o fim dos acidentes? Tecnologia alerta condutores sobre outro veículo em um cruzamento, por exemplo.

Ducati testa moto que "conversa" com carro
Ducati testa moto que “conversa” com carro

A Ducati, em conjunto com a Audi, participou da primeira demonstração na Europa de um novo sistema de comunicação veículo-para-tudo (V2X) entre motos e automóveis no início de julho. Em abril, a fábrica italiana havia anunciado sua estratégia, chamada de “Safety Road Map 2025”, para o desenvolvimento de novos sistemas e tecnologias de segurança.

Os primeiros passos são a extensão do ABS Cornering para toda as motos da marca e o lançamento de uma moto com radar dianteiro e traseiro no mercado em 2020. Agora, a empresa de Borgo Panigale está testando, em conjunto com vários líderes da indústria, algumas novas tecnologias que equiparão suas motocicletas a médio e longo prazo e podem ajudar a diminuir – ou acabar – com acidentes comuns entre motos e carros.

Multistrada Enduro e um Audi Q7 participaram da primeira demonstração ao vivo do sistema

Uma dessas tecnologias, chamada de C-V2X, é um sistema de comunicação sem fio entre usuários da via, como carros, motocicletas, pedestres, bicicletas e a infraestrutura. A tecnologia C-V2X é um passo fundamental em direção ao 5G para aplicações automotivas, com comunicação direta entre veículos e seus arredores.

Sistema também alerta o motociclista sobre o perigo adiante

A demonstração contou com os Audi Q7 e A4, bem como um veículo de duas rodas, a Ducati Multistrada 1200 Enduro, equipado com a tecnologia C-V2X utilizando o chipset Qualcomm 9150 C-V2X . O teste simulou situações comuns que podem ocorrer entre motocicletas e veículos, e como a tecnologia C-V2X pode ser usada para ajudar a melhorar a segurança no trânsito.

Alerta no painel avisa ao motorista para não fazer conversão à esquerda, pois uma moto vem no sentido contrário; tipo de colisão comum nas vias

Entre os benefícios está o aviso de colisão de intersecção (cruzamento), em que um veículo equipado com a tecnologia C-V2X sai de uma junção com uma estrada adjacente e evita atingir um motociclista que tem a preferência. Há ainda um aviso de risco de colisão de trânsito, no qual o carro evita um acidente com um motocicleta ao fazer uma conversão à esquerda – um dos principais tipos de colisões entre motos e carros. Há ainda um aviso de frenagem repentina do veículo de duas rodas.

Sistema C-2VX – Comunicação entre veículo e “tudo” – pode evitar acidentes

“Esta é a demonstração perfeita de casos de uso em que as tecnologias modernas podem melhorar drasticamente a segurança dos futuros usuários de motocicletas”, disse Pierluigi Zampieri, Gerente de Inovação de Veículos da Ducati Motor Holding. “De fato, a comunicação C-V2X é definitivamente um dos principais projetos do Ducati Safety Road Map 2025”.

Demonstração envolveu Ducati e mais quatro empresas

A demonstração foi a primeira do projeto ConVeX (Veículo Conectado a Tudo), que envolve a Audi, a Ducati, a Ericsson, a SWARCO, a Universidade de Kaiserslautern e a Qualcomm CDMA Technologies GmbH.