VW Virtus recebe nota máxima em testes de Latin NCAP

Assim como Polo, sedã ganha cinco estrelas para proteção adulto e infantil

0
141

VW Virtus

O novo VW Virtus, sedã derivado do novo Polo, recebeu nota máxima em segurança nos testes de colisão realizados pelo Latin NCAP, Programa de Avaliação de Veículos Novos para América Latina e Caribe, e cujos resultados foram divulgados na terça-feira, 23. Assim como o hatch Polo, o sedã Virtus também levou a pontuação máxima, representada por cinco estrelas, tanto para proteção de adultos quanto para proteção de crianças (veja vídeo abaixo). Produzido no Brasil, o Virtus está sendo apresentado nesta mesma data para a imprensa especializada e chega à rede de concessionárias no fim deste mês.

Latin NCAP

Segundo o Latin NCAP, como o Virtus e o Polo são idênticos desde a frente até o pilar B, o impacto frontal e o lateral de poste feitos no Polo, bem como seus resultados, são levados em conta para a avaliação da proteção de adultos do Virtus. A proteção contra impacto frontal dos ocupantes infantis também foi considerada igual à do Polo, já que ambos compartilham da mesma plataforma (MQB) e assentos traseiros. Contudo, como o Virtus tem uma distância entre eixos maior que a do Polo, foi realizado nele um novo teste de impacto lateral, e como resultado o veículo apresentou o mesmo nível de proteção que o do Polo. A avaliação mostrou ainda que os airbags, quatro no total, sendo dois frontais e dois laterais de cabeça-tórax tiveram rendimento robusto em ambas as situações de impacto lateral.

Controle eletrônico de estabilidade

No quesito controle eletrônico de estabilidade (ESC) o Virtus, assim como o Polo, cumpre com as condições regulamentares do Latin NCAP, recebendo também aprovação quanto aos critérios de rendimento requeridos no teste. Para a segurança das crianças, o Virtus foi aprovado sob os requisitos de i-size, oferecendo ancoragens Isofix, interruptor de desativação dos airbags e cintos de três pontos para todos os passageiros de maneira padrão, o que lhe permitiu atingir a pontuação máxima em proteção infantil.

 

“O Virtus é mais uma prova de que a indústria local pode produzir automóveis cinco estrelas por um valor cada vez mais acessível, oferecendo uma maior segurança, mesmo antes de ser exigido por qualquer requerimento governamental em nossa região”, afirmou o secretário geral do Latin NCAP, Alejandro Furas.

Latin NCAP Advanced

Também como o irmão Polo, o Virtus recebeu um prêmio adicional, o Latin NCAP Advanced Award por atender requisitos de proteção a pedestres. A avaliação é feita com base em testes que simulam situações de acidentes envolvendo pedestres, conforme padrões estabelecidos pela legislação da Europa.

ESC de série

Contudo, pelo protocolo atual do Latin NCAP, só recebe cinco estrelas o carro que tiver ESC de série, mas nem o Polo nem o Virtus tem o equipamento de série em todas as versões, do total de três, só nas duas de topo da gama, Confortline e Highline, e por esse critério o carro não poderia ter cinco estrelas.

Regra de transição para incentivar o uso do ESC

Mas segundo o próprio Latin NCAP informou à Automotive Business na época de lançamento do Polo, em setembro do ano passado, foi instituída uma regra de transição para incentivar o uso do ESC antes legislação, que prevê a adoção obrigatória a partir de 2020 para novos projetos e em 2022 para todos os veículos. Esta regra funciona de maneira que se as versões mais vendidas tiverem o ESC de série e as outras apenas como opcional, exatamente como acontece com Polo e Virtus, o carro ganha cinco estrelas com a condição de colocar o sistema de série em todas as versões no prazo de até dois anos.

Confortline e Highline

No caso do Polo, as versões de topo Confortline e Highline têm cerca de 70% das vendas e para o Virtus, a Volkswagen projeta que ambas as versões representem 80% das vendas do modelo.