Boa lubrificação de mancais aumenta eficiência de transportadores de minério

0
203
Marcos Thadeu Giacomini Lobo

Marcos Thadeu Lobo

Engenheiro Mecânico Graduado Pela Universidade Estadual De Campinas (Unicamp) em 1985. Ingressou na Petrobras Distribuidora S/A em 1986 como profissional de Suporte Técnico em Produtos. E atualmente exerce a função de Consultor Técnico Sênior.

As estatísticas apontam que a causa principal de desgaste em elementos de máquina em movimento é o desgaste por abrasão, também, chamado  desgaste por três corpos, constituindo-se cerca de 60% das falhas catastróficas.

Figura 1 - Principais falhas em elementos de máquina
Figura 1 – Principais falhas em elementos de máquina

O desgaste por abrasão se inicia em mancais planos e de rolamento quando é introduzido material particulado sólido de elevada dureza e de dimensões suficientes para penetrar e alojar-se entre as folgas dinâmicas existentes entre o munhão e o casquilho ou entre os elementos rolantes e as pistas de rolamento, o que provoca a remoção de material metálico e geração de material abrasivo adicional.

mancais
Figuras 2/3 – Mecanismo do desgaste por abrasão ou desgaste por três corpos

Para se evitar a contaminação dos mancais planos e de rolamento por material particulado sólido durante as operações de relubrificação podemos utilizar 03 práticas bastante simples e de baixo custo:

Figuras 4/5 - Desgaste causado por material particulado sólido
Figuras 4/5 – Desgaste causado por material particulado sólido
  1. Utilizar tampões de plástico que se ajustem aos pinos graxeiros para se evitar que material particulado sólido aderido à graxa remanescente da operação de relubrificação seja introduzido no mancal de rolamento

    Figuras 6/7 - Tampões plásticos ajustáveis aos pinos graxeiros
    Figuras 6/7 – Tampões plásticos ajustáveis aos pinos graxeiros
  1. Limpar cuidadosamente os pinos graxeiros com retalho que não libere fiapos antes de se acoplar o bocal de dispensa de graxa da pistola graxeira (não é recomendável o uso de estopa).
Figuras 8/9 - Limpar cuidadosamente os pinos graxeiros com pano limpo
Figuras 8/9 – Limpar cuidadosamente os pinos graxeiros com pano limpo
  1. Após a operação de relubrificação limpar cuidadosamente e proteger o bocal de dispensa de graxa da pistola graxeira com um tampão de plástico para evitar que material particulado sólido fique aderido à graxa durante o período de inatividade e venha a ser introduzido nos mancais planos e de rolamento quando voltarem a ser utilizadas.
Figuras 9/10 - Limpar o bocal de dispensa de graxa e protegê-lo com tampão plástico
Figuras 9/10 – Limpar o bocal de dispensa de graxa e protegê-lo com tampão plástico

Cuidados básicos e de baixo custo como os mencionados anteriormente podem significar muito na elevação da vida útil de mancais planos e de rolamento e na confiabilidade do maquinário. Cuidados  referentes à prevenção do desgaste abrasivo ocasionado pela contaminação da graxa por material particulado sólido deve ser objeto de atenção permanente por parte dos mecânicos lubrificadores.

Figuras 11/12 - Pinos graxeiros cobertos com material particulado sólido
Figuras 11/12 – Pinos graxeiros cobertos com material particulado sólido

Muitos profissionais da lubrificação já atentaram que a conservação e limpeza dos seus instrumentos de trabalho é prática imprescindível com vistas a se estender a vida útil do maquinário e reduzir paradas imprevistas ocasionados por desgaste abrasivo devido à contaminação da graxa lubrificante por material particulado sólido.

Figuras 13/14 - Instrumentos de lubrificação em más condições de conservação
Figuras 13/14 – Instrumentos de lubrificação em más condições de conservação

 

 

Outros artigos do Autor

Figuras 1/2 - Pilotos habilitados e operários capacitados são imprescindíveis

3 sugestões para aumentar produtividade do equipamento

Marcos Thadeu Lobo Engenheiro Mecânico Graduado Pela Universidade Estadual De Campinas ( Unicamp ) em 1985. Ingressou na Petrobras Distribuidora S/A em 1986 como profissional...

Filtração de óleos novos podem aumentar desempenho de máquinas

Marcos Thadeu Lobo Engenheiro Mecânico Graduado Pela Universidade Estadual De Campinas ( Unicamp ) em 1985. Ingressou na Petrobras Distribuidora S/A em 1986 como profissional...

Possíveis causas de espessamento de óleos lubrificantes para engrenagens

Marcos Thadeu Lobo Engenheiro Mecânico Graduado Pela Universidade Estadual De Campinas ( Unicamp ) em 1985. Ingressou na Petrobras Distribuidora S/A em 1986 como profissional...

A coloração dos gases de exaustão trazem muita informação

Marcos Thadeu Lobo Engenheiro Mecânico Graduado Pela Universidade Estadual De Campinas ( Unicamp ) em 1985. Ingressou na Petrobras Distribuidora S/A em 1986 como profissional...

Normas sobre emissões gasosas impactam projetos de motores e lubrificantes

Marcos Thadeu Lobo Engenheiro Mecânico Graduado Pela Universidade Estadual De Campinas ( Unicamp ) em 1985. Ingressou na Petrobras Distribuidora S/A em 1986 como profissional...