A indústria global de óleos básicos passa por mudanças significativas

0
119

mercado mundial de óleos básicosO mercado mundial de óleos básicos está testemunhando mudanças estruturais substanciais. Essas mudanças são estimuladas pela mudança dos padrões de demanda devido à evolução dos requisitos tecnológicos e ambientais, bem como mudanças no cenário de suprimento.

De acordo com o relatório Global Lubricant Basestocks da Kline, o mercado mundial de óleos básicos registrou crescimento muito pequeno em 2016, em relação ao ano anterior. Enquanto os básicos dos Grupos II e III registraram boas taxas de crescimento, o Grupo I continuou em uma trajetória descendente. O mercado global está testemunhando mudanças estruturais substanciais, que são estimuladas pela mudança dos padrões de demanda devido à evolução dos requisitos tecnológicos e ambientais, bem como mudanças no cenário de suprimento.

Várias plantas de grupo I foram fechadas

O ano de 2016 continuou com a tendência de acabar com o excesso de capacidade do Grupo I, em partes do mundo, incluindo ExxonMobil (Beaumont, Estados Unidos), KPI (Roterdã, Holanda) e Shell (Pernis, Holanda). Essa redução de capacidade trouxe um saldo temporário aos mercados de básicos em regiões selecionadas do mundo, mas o excesso de oferta geral continuou.

Esse excesso foi ainda mais estimulado pela nova capacidade de racionalização em várias partes do mundo, incluindo Tatneft (Rússia), CNOOC (China) e ADNOC (Emirados Árabes Unidos). Esta nova capacidade é dedicada principalmente à produção de matérias-primas do Grupo II e III.

Do lado da demanda, as novas categorias de serviços pesados API CK-4 e FA-4 – foram aprovadas, embora a linha de tempo ILSAC GF-6 para carros de passageiros tenha sido adiada. No entanto, o impulso para lubrificantes de melhor qualidade é visto não apenas nos mercados desenvolvidos, mas também nos mercados em desenvolvimento, que está criando demanda por óleos de melhor desempenho.

A necessidade de ter uma melhor eficiência de combustível e normas de emissões mais rigorosas está facilitando o crescimento de lubrificantes de alta qualidade. Embora mercados como os Estados Unidos e a Europa Ocidental já tenham normas de emissões rigorosas, outros mercados importantes como a China e a Índia também estão fazendo rápidos progressos no sentido de garantir normas mais rigorosas, o que impulsionará a demanda por óleos básicos de melhor desempenho.

Capacidade aumenta no mercado mundial de óleos básicos

De acordo com Anuj Kumar, Gerente de Projeto na Prática de Energia da Kline, “A nova adição de capacidade ao mercado mundial de óleos de básicos continua, à medida que vários projetos estão em andamento. Esta nova criação de capacidade superará o crescimento da demanda de lubrificantes acabados e resultará na sobrecarga de oferta. Criando ainda maior pressão sobre plantas de alto custo, para sustentar suas operações “.

“Apesar do excesso de oferta, existem segmentos do mercado que possuem um forte potencial de crescimento. À medida que os requisitos dos motores modernos de automóveis de passageiros tornam-se mais rigorosos, há uma necessidade crescente de produtos de alto índice de viscosidade (IV)”, comenta Kumar.

“Um IV mais elevado para um básico do Grupo III o ajuda a se diferenciar dos outros básicos do mercado. Percebendo essa necessidade, alguns fornecedores de Grupo III estão fazendo uma atualização de seu produto, de Grupo III para Grupo III + de forma gradual”, completou Kumar.